Vereadora Júlia Arruda

Blog

Arquivo

Audiência discute papel da família no fortalecimento da educação

 A Frente Parlamentar em Defesa da Criança e do Adolescente debateu em audiência pública nesta quinta-feira (27), no plenário da Câmara Municipal de Natal, o papel da família, da escola e do poder público no fortalecimento da educação.

A presidente da Frente Parlamentar, vereadora Julia Arruda (PSB), destacou a importância do trabalho conjunto entre sociedade e instituições públicas, enfatizando o papel tanto das políticas públicas quanto da assistência familiar e pedagógica.

“O papel desta Frente é atuar como articulador desta parceria entre família, escola e poder público. É por meio de debates como este que conseguiremos alcançar esse objetivo de aproximar estas instituições e transformar o processo educacional do nosso município”, afirmou a vereadora.

A reunião contou com palestra ministrada pela educadora Eleika Bezerra, diretora executiva do Instituto de Desenvolvimento da Educação (IDE-RN). Em sua palestra, a educadora enfatizou a importância da família na formação educacional do indivíduo.

Na ocasião, também foi prestada uma homenagem aos 94 anos do Hospital Infantil Varela Santiago, em reconhecimento aos serviços prestados às crianças e adolescentes do Rio Grande do Norte. Durante a audiência, foi entregue um diploma comemorativo ao diretor do hospital, Paulo Xavier Trindade.

Participaram da audiência a educadora Claudia Santa Rosa, diretora do IDE, o professor os vereadores Aquino Neto (PV) e Luis Carlos (PMDB).

Fonte: Assessoria da Câmara

Família e educação

Família e educação

Hoje, às 09 h na Câmara Municipal , a Frente Parlamentar pelos Direitos da Infância, presidida pela vereadora Júlia Arruda, vai discutir o tema: Família, Escola e Poder Público, pelo fortalecimento da Educação, com palestra a ser proferida pela Professora Eleika Bezerra Guerreiro do Instituto para o Desenvolvimento da Educação do RN - IDE. Na ocasião, será feita uma homenagem ao Hospital Infantil Varela Santiago pelos seus 94 anos de relevantes serviços prestados as Crianças e aos Adolescentes do Estado.

Júlia Arruda promove sessão solene em homenagem ao Dia do Cerimonialista

 Profissionais da área de Cerimonial foram homenageados na noite desta quarta-feira (26) durante sessão solene na Câmara Municipal de Natal. Proposta da vereadora Júlia Arruda (PSB), a solenidade ocorreu em alusão ao Dia Nacional do Cerimonialista, comemorado no próximo dia 29, e contou com a presença de diversos representantes da categoria.

Na ocasião, a vereadora enalteceu o trabalho realizado pelo profissional do cerimonial. "O ofício do cerimonialista não é somente importante, mas essencial na condução de solenidades e eventos, sejam eles oficiais ou sociais", disse a parlamentar. Júlia também aproveitou seu discurso para saudar a equipe de cerimonial da Câmara, cordenada por Rosana Simas. Segundo ela, o trabalho impecável desempenhado pelo grupo contribui para engrandecer a imagem da Casa perante aos natalenses.

Durante a cerimônia, a vereadora entregou diplomas a 13 profissionais de destaque na área. Além disso, a parlamentar afirmou que vai trabalhar para incluir o Dia do Cerimonialista no calendário de datas comemorativas do municpio de Natal.

Para Zuleide Gonçalves Vieira, diretora do Comitê Nacional de Cerimonial e Protocolo no RN e uma das homenageadas da noite, a sessão foi um importante reconhecimento ao trabalho realizado pelo cerimonialista. “O profissional do cerimonial brilha e faz brilhar todas as solenidades que conduz. Essa solenidade é extremamente relevante pois mostra que o Poder Público Municipal reconhece o esforço para aqueles que estão sempre nos bastidores, mas com a grande preocupação de fazer o marketing da autoridade que serve”, destacou.

De acordo com o coordenador Regional do CNPC, Pádua Campos, o cerimonialista é quem administra os conflitos das solenidades. “Agradeço a vereadora Júlia Arruda propositora dessa honrosa homenagem ao cerimonialista, pois somos nós que realizamos os eventos e as solenidades da Casa e administramos os conflitos das solenidades. A vereadora Júlia reconhece o verdadeiro papel do cerimonial”, ressaltou Pádua.

Estiveram presentes na solenidade o presidente da Câmara Municipal de Natal, vereador Edivan Martins (PV) e os vereadores Raniere Barbosa (PRB) e Assis Oliveira (PR). Além disso, o representante da governadora Rosalba Ciarlini, Alberto França, que compõe o Cerimonial do Governo do Estado e a chefe do Cerimonial do Executivo Municipal, Márcia Varella, que representou a prefeita Micarla de Sousa, também participaram da sessão solene.

Confira a lista completa dos homenageados:

1 - JOSÉ AFONSO CARRIJO ANDRADE – PRESIDENTE CNCP/BRASIL
2 - JOSÉ DE PÁDUA MARTINS – COORDENADOR REG. NORDESTE CNCP
3 - ZULEIDE GONÇALVES VIEIRA – DIRETORA REPRESENTAÇÃO CNCP-RN
4- JOÃO BATISTA DE SANTANA (JOÃOZINHO)– SECRETÁRIO REPRESENTAÇÃO CNCP/RN
5- ROSANA SIMAS ARANHA SANTANA –(CHEFE CERIMONIAL CMN)
6 - CLÁUDIO PAIVA – TITULAR DA NOBRES CERIMONIAL
7 - ISOLINA MELO – CERIMONIAL UNIVERSITÁRIO (UERN)
8 – GASPARINA MUSSE – (GOIANIA-GO)
9 – MARÍLIA SÁ DE PAULA – CERIMONIAL EMPRESARIAL E SOCIAL
10 – CAPITÃ PM GEÓRGIA CÂMARA – CERIMONIAL MILITAR (PM)
11 – CRISTINA MAGALHÃES – CERIMONIAL E ASSESORIA
12 –ALBERTO FRANÇA- CERIMONIAL EXECUTIVO (GOVERNO DO ESTADO)
13 – ELIZA LOIOLA (COLABORADORA DO CERIMONIAL DAGUARDA MUNICIPAL)

Júlia homenageia cerimonialistas do RN esta noite

A vereadora Júlia Arruda (PSB) realiza Sessão Solene na noite desta quarta-feira (26) em alusão ao Dia do Cerimonialista, data comemorada em todo o Brasil no próximo sábado, 29 de outubro. Com isso, a parlamentar pretende homenageá-los, além de colocar seus temas na pauta da sociedade, para que sejam mais valorizados.

Júlia acredita que ocasiões como estas são importantes para esclarecer que o ofício deste profissional não é somente importante, mas essencial na condução de solenidades e eventos, sejam eles oficiais ou sociais.

A parlamentar enfatiza ainda que será um momento de comemorar uma primeira etapa vencida. Afinal, o Cerimonialista passou a ter o seu Dia comemorado oficialmente, em todo o Brasil, somente no ano passado, uma vez que a data foi instituída pela Lei nº 12.092, de novembro de 2009.

O Cerimonialista ainda aguarda a regulamentação da profissão, que tramita atualmente na Câmara Federal, por meio do PL 5425. “Espero que uma vez consolidada, esta medida represente o reconhecimento público da importante atividade dos cerimonialistas e possa contribuir para que todos os profissionais da área cheguem ao nível de excelência já alcançado por muitos representantes desta categoria no nosso município e estado”.

 

Vereadora rende homenagens aos cerimonialistas

Será hoje às 18 horas na Câmara Municipal do Natal, a sessão solene proposta pela vereadora Júlia Arruda (PSB) para homenagear o Dia do Cerimonialista.

 

Responsável pelo cerimonial da Assembleia Legislativa, Pádua Martins participará como coordenador regional Nordeste do CNCP-Brasil.

 

No comando estadual, os cerimonialistas Zuleide Gonçalves, Pádua Martins e Joãozinho Batista.
O evento terá apresentação do Coral UNP e em sintonia com a campanha outubro rosa, haverá sorteios do Manual de Prevenção do Câncer de Mama, lançado recentemente pela procuradora Idaísa Fernandes.

 

João Batista, Zuleide e Pádua Martins

CEI dos Contratos realiza mais uma fase de depoimentos

 A Comissão Especial de Inquérito (CEI) dos Contratos realizou nesta sexta-feira (21), a segunda rodada de depoimentos referentes às investigações dos contratos celebrados pela Prefeitura Municipal de Natal. Na ocasião, foram questionados contratos e convênios assinado pela Fundação Cultural Capitania das Artes (Funcarte) com a Liga Independente das Quadrilhas Juninas do Rio Grande do Norte e com a União Metropolitana dos Blocos, Troças e Bandas Carnavalescas de Natal.

Estiveram no plenário Érico Hackradt para prestar esclarecimentos os ex-presidentes da Funcarte, César Revoredo e Rodrigues Neto, além do atual presidente, Roberto Lima. Também presentes ao plenário para conceder explicações, o presidente da Liga das Quadrilhas Juninas, Humberto Florêncio e o presidente da União dos Blocos Carnavalescos de Natal, José Ramos.

O relator da CEI, vereador Júlio Protásio (PSB) questionou aos ex-presidentes da Funcarte o objetivo e o destino dos recursos de dois contratos celebrados com a Liga das Quadrilhas Juninas, nos valores de R$ 82.400,00 e R$ 51.500,00. E de acordo com as respostas de César Revoredo e Rodrigues neto, os recursos foram destinados para pagar artistas e apoiar os festejos juninos e o Natal em Natal.

Segundo a presidente da CEI dos Contratos, vereadora Júlia Arruda (PSB), os depoentes esclareceram alguns pontos questionados e os que o que não foram explicados gerou novas diligências. “Os depoimentos foram válidos e produtivos, os depoentes atenderam as nossas perguntas e os pontos não esclarecidos aqui gerou novas diligências”, destacou a presidente.

Os vereadores Adenúbio Melo (PSB) e Sargento Regina também participaram dos depoimentos para esclarecer os contratos da Funcarte. No próximo dia 04 de novembro ocorrerá mais uma rodada de depoimentos da CEI dos Contratos.

Presidente da CEI acerta detalhes para depoimentos que iniciam amanhã

A presidente da CEI dos Contratos, vereadora Júlia Arruda, realizou mais uma reunião de trabalhos na manhã desta quinta-feira (20). Na ocasião, ela, o vereador Júlio Protásio (PSB) e assessores jurídicos definiram o calendário das próximas atividades da investigação. Também foram feitos os últimos acertos acerca das oitivas que iniciam nesta sexta-feira (21), a partir das 8h30.

Segundo explica Júlia, serão ouvidos gestores antigos e atuais da Fundação Cultural Capitania das Artes (Funcarte) e Secretaria Municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico (Seturde), para dar explicações sobre contratos suspeitos destas pastas municipais. Os depoimentos acontecerão no Plenário Érico Hackradt com transmissão ao vivo pelo Canal 37 da Cabo, a TV Câmara.
 

Júlia Arruda prestigia lançamento da Ação Potiguar de Incentivo à Leitura

A vereadora Júlia Arruda (PSB) prestigiou, na noite desta quarta-feira (19), o lançamento oficial do programa Ação Potiguar de Incentivo à Leitura, cujo objetivo é incentivar o gosto pelos livros entre estudantes de escolas públicas e privadas de Natal. A solenidade foi realizada no auditório da Assembleia Legislativa e contou com a presença do deputado estadual Fernando Mineiro (PT) e dos escritores Mário Prata e Ney Leandro de Castro.

Durante o evento, a vereadora destacou a importância da iniciativa, encabeçada pelo selo editorial Jovens Escribas. “Medidas como essas são extremamente relevantes para a formação de uma sociedade leitora, com cidadãos mais capazes e conscientes”, disse ela. Na ocasião, Júlia lembrou ainda a necessidade de criação de políticas públicas que priorizem o tema, como a lei que institui a Política Municipal do Livro, matéria de sua autoria recentemente sancionada pelo Executivo.

Durante sua fala, o deputado Fernando Mineiro, responsável pela criação de leis de incentivo à leitura em nível estadual, destacou que a melhor maneira de despertar o interesse dos jovens pela literatura é através do exemplo. “Não há como fazer  uma criança gostar de ler se em sua casa ninguém se interessa pela leitura.Por isso é importante que, além da escola, os livros também estejam presentes no ambiente familiar”, disse ele.

A abertura da Ação Potiguar em Incentivo à Leitura contou ainda com um bate-papo informal entre o cronista Mário Prata e o escritor potiguar Ney Leandro de Castro, mediado pelo jornalista Paulo Araújo.
 

Mês das Crianças: TV Câmara exibe vídeos que explicam medidas do ECA

O dia das crianças já passou, mas na Câmara Municipal de Natal a homenagem aos pequenos se estende até o final do mês de outubro, com a exibição de pequenos filmes que explicam algumas das medidas presentes na Lei do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Com aproximadamente 1 min. de duração, os vídeos são resultado da parceria entre TV Câmara e Frente Parlamentar em Defesa da Criança e do Adolescente e estão sendo veiculados durante os intervalos da programação da emissora.

Para a presidente da Frente, vereadora Júlia Arruda (PSB), além de homenagear as crianças, a iniciativa tem a finalidade de colocar em evidência os direitos desta parcela da população. “É uma forma lúdica de alertamos para a importância da luta em defesa da infância e adolescência. Acredito que medidas como essas são relevantes, pois ajudam a Frente a atingir o seu objetivo, que é trabalhar para garantir e fiscalizar o cumprimento destes direitos, que, infelizmente, ainda são constantemente violados”, definiu a parlamentar.

Coordenada pela vereadora Júlia Arruda desde abril de 2011, a Frente Parlamentar em Defesa da Criança e do Adolescente é um fórum itinerante que desenvolve ações em benefício dos jovens de Natal. Composto por representantes de 120 organizações governamentais e não-governamentais, o organismo trabalha no desenvolvimento de políticas públicas que contemplem esta faixa etária.

Os vídeos também estão disponíveis na internet, no canal da vereadora Júlia Arruda no Youtube:http://www.youtube.com/user/Vereadorajuliaarruda
 

Júlia vota contra empréstimo de R$ 100 milhões de dólares para Prefeitura

A Câmara Municipal de Natal (CMN) aprovou nesta terça-feira (18), em primeira discussão, por 14 votos contra 6, o Projeto de Lei nº 149/2011 para o empréstimo de 100 milhões de dólares que a Prefeitura pretende contrair junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para pagar as contrapartidas do município às obras de mobilidade urbana com vistas à realização de jogos da Copa do Mundo de 2014 em Natal. Mas a vereadora do PSB, Júlia Arruda, foi contrária, juntamente com Luís Carlos (PMDB), Fernando Lucena (PT), George Câmara (PC do B), Raniere Barbosa (PRB) e Sargento Regina (PDT).

“Não tenho segurança jurídica para adotar um posicionamento favorável a este projeto, que permite que a Prefeitura tenha acesso a um montante considerável de dinheiro, mas não especifica claramente onde todos os recursos serão gastos. Não é nossa intenção deixar que a Copa do Mundo seja usada como uma cortina de fumaça para mascarar uma negociata incoerente como esta”, disse a parlamentar.

A matéria era tão polêmica que foram necessários mais de dez dias de paralisação dos trabalhos legislativos em plenário para que finalmente o projeto fosse apreciado e a pauta de votação da Casa fosse devidamente liberada. Mesmo aprovada, a matéria não obteve unanimidade nem entre os 14 parlamentares que se posicionaram favoravelmente, o que deve esquentar os debates travados hoje durante a segunda e definitiva votação.

Muitos deles demonstraram desconfiança, por exemplo, quanto à distribuição e aplicabilidade dos recursos. De acordo com o detalhamento encaminhado pela Prefeitura de Natal (PMN) apenas R$ 63,05 milhões (ou US$ 36,02 milhões se considerada a cotação do dólar ontem que era de R$ 1,75) dos US$ 100 milhões têm destinação específica. Dessa forma, a PMN contará com uma sobra de R$ 111,9 milhões (US$ 63,98 milhões) que possivelmente podem ser aplicados sem maiores amarras burocráticas.

Por esta razão, inclusive, o vereador Júlio Protásio (PSB) foi autor de uma emenda que reduziria o valor do empréstimo de US$ 100 milhões para US$ 50 milhões. A proposta foi rejeitada com 17 votos contrários e três favoráveis. Ele entendia que este montante atenderia plenamente às necessidades da Prefeitura para a efetivação das obras de mobilidade. A proposta inspirou inicialmente a simpatia dos parlamentares, mas foi inviabilizada pela articulação do líder da prefeita na CMN, vereador Enildo Alves (DEM) e pela divergência de opiniões da bancada de oposição.

A sessão foi suspensa e a pauta da Casa permanece trancada. A matéria de autoria do executivo será votada hoje em segunda discussão no plenário da Câmara Municipal de Natal, a partir das 16h. Com a emenda de Júlio derrubada, os parlamentares acordaram em deixar as demais emendas para serem apresentadas esta tarde. A única ausência foi do vereador Chagas Catarino (PP), que está internado no Hospital São Lucas.
 

Sessões ordinárias são transmitidas com a Língua dos Sinais

A partir desta terça-feira (18), as sessões ordinárias da Câmara Municipal de Natal passam a contar com tradução simultânea em Libras, a Língua Brasileira de Sinais. A medida atende reivindicação da Frente Parlamentar em Defesa das Pessoas com Deficiência e tem o objetivo de levar as discussões do Legislativo Municipal aos deficientes auditivos.

Para a presidente da Frente, vereadora Júlia Arruda (PSB), a iniciativa representa um avanço no processo de interação da Câmara com os cidadãos, uma vez que possibilita que mais pessoas tenham acesso aos debates ocorridos em plenário.

“Fico feliz em saber da concretização dessa medida, que foi tantas vezes discutida durante as reuniões da Frente e, sem dúvidas, beneficiará muito esta parcela da população”, disse.

Para viabilizar a tradução, a TV Câmra firmou convênio com a Associação dos Surdos de Natal (Asnat). Ao todo, dois intérpretes vão se revezar para traduzir aquilo que os parlamentares debaterem durante as sessões.
 

Presidente da CEI dos Contratos visita imóveis da SMS no Planalto

Em mais uma tarde de visita aos imóveis alugados pela Prefeitura de Natal, a Presidente da Comissão Especial de Inquérito (CEI) dos Contratos, vereadora Júlia Arruda (PSB), inspecionou, nesta segunda-feira (17), dois imóveis locados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Os prédios, que são localizados no bairro Planalto e deveriam abrigar unidades de saúde, se encontravam fechados e em estado de abandono.

O primeiro imóvel visitado, localizado na Rua Santo Onofre, foi alugado pela Prefeitura em outubro de 2009, por R$ 1.500. O local chegou a passar por uma ampliação no intuito de se converter em um posto de saúde, mas as obras não chegaram a ser concluídas. De acordo com o proprietário, José Fortunato de Medeiros, a Prefeitura vem atrasando o aluguel há mais de um ano.

“A casa foi alugada em regime de urgência. A Prefeitura iniciou as obras em dezembro de 2009, mas o serviço foi interrompido logo depois e agora o imóvel encontra-se inacabado e sem utilidade”, informa o dono do prédio. Segundo ele, o município tenta agora cancelar o contrato. “Acabaram com a minha casa e agora querem devolver”, conta José Fortunato.

O segundo prédio visitado pela CEI, localizado a poucos metros do primeiro, na Avenida Miramangue, também deveria sediar uma unidade de saúde, no entanto, permanece fechado, funcionando apenas como ponto de distribuição de leite. O aluguel, no valor de R$ 1.108, está atrasado há um ano e dois meses, conforme explicitado pelo proprietário, João Maria da Silva Câmara.

Na avaliação da presidente da CEI, o estado dos prédios vistoriados no Planalto é lamentável. De acordo com ela, a situação evidencia o descaso da Prefeitura de Natal tanto no que diz respeito ao zelo para com os recursos públicos, quanto ao cuidado médico dispensado à população do local, que atualmente está completamente desassistida.

“Mais uma vez nos deparamos com a total precariedade dos imóveis locados pela Prefeitura. Primeiro testemunhamos o desperdício do dinheiro público em uma obra que nunca ficou pronta e depois nos deparamos com um prédio que deveria ser um posto de saúde, mas que não funciona como tal, prejudicando toda a comunidade”, disse a vereadora.

A CEI dos Contratos retoma suas atividades na próxima sexta-feira (21) quando deve ouvir o depoimento dos representantes das secretarias cujos contratos são alvo de investigação.
 

Júlia Arruda dá entrevista para livro-reportagem sobre Fora Micarla

A vereadora Júlia Arruda (PSB), que preside a CEI dos Contratos, foi entrevistada na manhã desta sexta-feira (14) pela concluinte de Jornalismo da UFRN, Rayanne de Azevedo Carvalho, que está elaborando, juntamente com a colega Anna Paula Freire um livro-reportagem sobre a ocupação do Coletivo Fora Micarla na Câmara Municipal de Natal em junho passado.

As estudantes de Comunicação Social vão historiar a ocupação de 11 dias, dando enfoque à participação dos vereadores de oposição. Júlia observou que o Coletivo é legítimo e foi fundamental para a instalação da CEI dos Contratos.

A vereadora observa que não tinha noção de que a mobilização atingiria tamanha proporção, mas creditou a situação à falta da habilidade da presidência da Câmara em negociar com os manifestantes, que apenas exigiam a implantação de uma CEI com participação paritária da situação e oposição, que garantissem a apuração séria das possíveis irregularidades da Prefeitura de Natal.

Júlia Arruda lembrou que inicialmente os manifestantes pediam nas redes sociais o Impeachment da prefeita Micarla de Sousa, e que vislumbraram na instalação da CEI a materialização disso, através da possível comprovação de irregularidades do poder executivo. Ela observa, contudo, que a CEI não é punitiva, mas poderá encaminhar resultados para os órgãos competentes darem encaminhamentos necessários.

A presidente da CEI historia ainda a dificuldade, não apenas para a instalação, mas para a manutenção, com a saída de vereadores e necessidade de substituição deles. E relata ainda episódios negativos, como o impedimento de entrada de integrantes do #Fora Micarla na Câmara para acompanhar os trabalhos da CEI, o que quase gerou uma segunda ocupação da Casa Legislativa – episódio que só foi solucionado com a intermediação novamente da OAB e Direitos Humanos.

 

Júlia Arruda participa de evento que marca entrada da CMN no Outubro Rosa

A vereadora Júlia Arruda (PSB) prestigiou, na noite desta quinta-feira (13), a solenidade que marcou a entrada da Câmara Municipal de Natal na campanha “Outubro Rosa”, cujo objetivo é alertar a população sobre a necessidade da prevenção do câncer de mama. Na ocasião, a parlamentar destacou a importância da iniciativa, que evidencia o papel social do Legislativo Municipal.

“Me sinto homenageada como vereadora e mulher ao ver a CMN apoiando uma causa tão justa como o movimento Outubro Rosa”, disse a vereadora, acrescentando que a prevenção do câncer de mama é de extrema relevância e deve receber mais atenção do poder público. Em seu discurso, Júlia destacou ainda que o combate ao câncer não deve ficar restrito ao mês de outubro, e sim ser perpetuado ao longo de todo ano.

A parlamentar aproveitou também para enfatizar a importância de projetos que viabilizem exames preventivos gratuitos em Natal. “O acesso aos exames deve ser facilitado para que toda a população possa se prevenir”, comentou.

O Palácio Padre Miguelinho, sede do Legislativo Municipal, neste mês que remete a campanha de combate ao câncer de mama recebeu uma decoração com adereços rosa para simbolizar que apoio da luta contra a doença. A solenidade contou com a presença de representantes da Liga Norte-Riograndense Contra o Câncer e do Grupo despertar, do presidente da CMN, Edivan Martins, e dos vereadores Sargento Regina, Enildo Alves, Adenúbio Melo e Franklin Capistrano.
 

Câmara realiza ato simbólico para aderir ao Outubro Rosa


 

A Câmara Municipal vestiu o rosa para zelar a saúde das mulheres e esperamos levar isso a toda a sociedade, disse vereador Edivan Martins

A Câmara Municipal de Natal realizou na noite desta quinta-feira (13), ato simbólico para aderir oficialmente a campanha “Outubro Rosa”. O Palácio Padre Miguelinho, sede do Legislativo Municipal, neste mês que remete a campanha de combate ao câncer de mama recebeu uma decoração com adereços rosa para simbolizar que apoio da luta contra a doença.

A vereadora Júlia Arruda (PSB), ressaltou que o Outubro Rosa desperta a sociedade para a importância que se tem de realizar o auto-exame e a mamografia “ É um chamamento para as mulheres realizarem a mamografia e se prevenir desta doença que acomete várias mulheres”, disse Júlia Arruda.

Outubro é o mês com o objetivo de chamar atenção para o câncer de mama. O movimento “Outubro Rosa” é mundial e tem o intuito de dar visibilidade ao tema e estimular a participação da população e entidades na luta contra a doença. O Outubro Rosa foi criado nos Estados Unidos, em 1997. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama.

crédito das fotos: Elpídio Júnior

MUITAS OUTRAS

Júlia Arruda visita jovens de diversas comunidades no Dia das Crianças

 A vereadora Júlia Arruda (PSB) aproveitou a tarde desta quarta-feira (12), Dia das Crianças, para visitar os jovens em diversas comunidades de Natal. A parlamentar participou de festejos nos bairros de Igapó, Planalto, Redinha, Brasília Teimosa e Km6.

Na ocasião, Júlia, que presidente a Frente Parlamentar em Defesa da Criança e do Adolescente, presenteou os pequenos com sacolinhas de doces e realizou sorteio de brinquedos.

Clique aqui para ver as imagens.

 

 

Júlia Arruda visita Setor de Oncologia do Hospital Varela Santiago

A vereadora de Natal Júlia Arruda (PSB), presidente da Frente Parlamentar Municipal em Defesa da Criança e do Adolescente, visitou na manhã desta terça-feira (11), véspera do Dia das Crianças, o Setor de Oncologia do Hospital Infantil Varela Santiago. Júlia foi à unidade acompanhada por um grupo de voluntários, encabeçado pela advogada Bianca Resende.

Na ocasião, além de distribuir materiais escolares e conversar com mães dos pacientes, ela pôde saber dos profissionais da unidade as dificuldades que enfrentam, principalmente com relação à falta de transferência de verbas por parte do Poder Público.

A parlamentar colocou seu mandato à disposição dos que lutam na defesa dos direitos das crianças portadoras de câncer.
 

Júlia Arruda prestigia Sessão de homenagem ao Suvag na AL

A presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Pessoa com Deficiência da Câmara de Natal, vereadora Júlia Arruda, prestigiou, na manhã desta segunda-feira (10) uma Sessão Solene na Assembleia Legislativa em homenagem aos 30 anos de existência do Centro Suvag – Sistema Universal Verbotonal de Audição Guberina - no Rio Grande do Norte.

Presidente da Frente Estadual em Defesa da Pessoa com Deficiência, a deputada Márcia Maia (PSB) agradeceu a participação da vereadora e a parabenizou pelo excelente trabalho na defesa desta importante parcela da sociedade. Elogio que também foi externado pelos diretores do Suvag em seus discursos durante o evento.

O diretor presidente do Suvag, Francisco das Chagas Pinheiro, recebeu da AL uma placa alusiva à data. “São 30 anos de luta incansável, com tristezas e alegrias. Não existia no Rio Grande do Norte nenhum tipo de reabilitação para os surdos, até que surgiu o SUVAG. Nesses 30 anos o Sistema Verbotonal de Audição Guberina vem contribuindo para melhorar a qualidade de vida das pessoas surdas”, disse.

Na semana passada a vereadora visitou as dependências do Suvag, quando constatou o excelente trabalho realizado pelos profissionais da instituição, mas também pôde saber das dificuldades enfrentadas por eles, como a necessidade de aumento do teto de procedimentos pela Secretaria Municipal de Saúde, visto a grande demanda atendida.

Problema enfatizado pela deputada Márcia Maia, que chamou a atenção do poder público, nos três níveis – federal, estadual e municipal – para que seja dado mais apoio financeiro à instituição. “O SUVAG do Rio Grande do Norte tem estrutura para ampliar o seu trabalho, mas faltam condições financeiras”.

SAIBA


A metodologia verbotonal foi concebida pelo lingüista Peter Guberina, a partir de várias pesquisas científicas relacionadas à comunicação oral e ao ensino de línguas estrangeiras e, posteriormente, ampliando sua aplicação ao trabalho com pessoas surdas.

O Suvag do Rio Grande do Norte é um dos 12 existentes no País e faz o “teste da orelhinha” em recém nascidos, bem como o acompanhamento, atendendo pessoas de todas as idades, portadoras de múltiplas deficiências.


 

CEI dos Contratos visita imóveis na Zona Norte

Na manhã desta quinta-feira (6), os vereadores que compõem a Comissão Especial de Inquérito (CEI) dos Contratos visitaram imóveis locados pela Prefeitura nos conjuntos Soledade I e Panatis II, na Zona Norte de Natal.

No conjunto Soledade I, os vereadores visitaram dois imóveis locados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), localizados na Rua Santanópolis. O primeiro sedia a Unidade Básica de Saúde do bairro e está alugado pelo valor mensal de R$ 492.

Já o segundo imóvel foi alugado há três anos, no valor mensal de R$ 2 mil, com a finalidade de transferir parte dos atendimentos e outras atividades relacionadas ao posto de saúde, já que a estrutura atual não comporta o volume de 50 atendimentos diários.

Atualmente, o imóvel está desativado, sem mobília, energia elétrica ou água.

De acordo com a diretora da Unidade de Saúde do Soledade, Tereza Fraga Monteiro, a ideia de utilizar o imóvel foi descartada devido à necessidade de adequar o espaço às normas de acessibilidade, já que se trata de um prédio de primeiro andar, sem rampas de acesso.

“Presenciamos aqui uma situação peculiar: dois imóveis alugados na mesma rua, um deles desativado. Por isso a importância de virmos verificar a situação desses prédios in loco”, disse a presidente da CEI dos Contratos vereadora Julia Arruda (PSB).


Ainda na manhã desta quinta-feira, a comissão visitou o Telecentro do Panatis II, na Avenida Maranguape, mas não encontrou nenhuma irregularidade. Também participaram das visitas os vereadores Júlio Protásio (PSB), Adenúbio Melo (PSB) e Chagas Catarino (PP).

Clique aqui para ver as fotos da visita.
 

Incentivo ao Livro: Lei de autoria de Júlia Arruda é sancionada pela prefeita

A Lei de Incentivo ao Livro, de autoria da vereadora Júlia Arruda (PSB), foi sancionada nesta quinta-feira (6) pela prefeita Micarla de Souza durante solenidade no Salão Nobre da Secretaria Municipal de Educação (SME). A norma, que institui a Política Municipal do Livro, tem o objetivo de fomentar e apoiar a produção, a edição, a difusão, a distribuição e a comercialização do livro em Natal.

De acordo com Júlia Arruda, “o projeto visa formar uma sociedade leitora através da dinamização do acesso ao livro”. Além disso, observa a vereadora, busca estimular a pesquisa social e científica, a conservação do patrimônio cultural do município e principalmente melhoria a qualidade de vida e o estímulo à produção literária.

“Trata-se, portanto, de uma importante iniciativa, tendo em vista o fato de o público-alvo ser formado por alunos da rede municipal de ensino, em sua maioria sem incentivo para a leitura devido à falta de recursos para este fim”, comentou a parlamentar, informando ainda que a Lei também institui o dia e a semana alusiva ao livro, a ser comemorada em dezembro, mês de aniversário do folclorista Câmara Cascudo.

Na avaliação da coordenadora do Instituto de Desenvolvimento da Educação (IDE), Cláudia Santa Rosa, a lei municipal de Incentivo ao Livro é benéfica pois se soma à política nacional da leitura. “O Plano Nacional do livro foi uma iniciativa federal para que estados e municípios criassem também suas próprias leis nessa área. Então é muito importante Natal dê esse passo hoje, que se somará a lei de leitura literária e fará com que o município se organize ainda mais na política de formação de leitores”, disse.

LEI DE INCENTIVO AO LIVRO

Com a validade da lei, fica instituído o dia 30 de dezembro, data do aniversário do folclorista Luís da Câmara Cascudo, como o "Dia Municipal do Livro e da Leitura", que será comemorado em todas as bibliotecas, escolas públicas e privadas da capital. A data vai integrar o calendário de eventos municipais.

O documento estabelece a necessidade de criar e instalar bibliotecas ramais e sala de leitura em todas as regiões do município com recursos do orçamento municipal e em parceria com a iniciativa privada, além de garantir a preservação do patrimônio literário, bibliográfico e documental do município, criando a Biblioteca Pública Municipal.

A necessidade da inclusão social também está prevista na lei, com a obrigação do Poder Executivo Municipal de consignar no orçamento anual, verbas destinadas às bibliotecas sob jurisdição para aquisição de livros e de outros produtos editoriais, incluídas obras em Sistema Braille, garantindo o acesso ao mundo das letras para os deficientes visuais.

 

Categorias

Arquivo