Vereadora Júlia Arruda

Blog

Notícias

Exploração infantil: rede propõe agenda pós 18 de Maio

A segunda reunião de 2011 da Frente Parlamentar em Defesa da Criança e do Adolescente, coordenada pela vereadora Júlia Arruda (PSB), e realizada nesta quarta-feira (25), atingiu parte de seu objetivo. Com o tema “Avaliação das Ações realizadas em Alusão ao Dia Nacional de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e Construção de Agenda Propositiva de Enfrentamento no Município de Natal”, a Câmara de Natal teve uma manhã de debates, diagnósticos e uma agenda propositiva.

Com presença significativa de representantes de organizações governamentais e não governamentais, a Rede apresentou ações pós o 18 de maio - Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Nos dias 4, 5 e 6 de junho, por exemplo, a Rede Evangélica Nacional de Ação Social realizará o 16 Mutirão de Oração Por Crianças e Adolescentes em Vulnerabilidade Social.

O lançamento da Campanha aconteceu esta manhã, ocasião em que o representante da Renas, Leandro Silva, entregou oficialmente o primeiro cartaz à vereadora (informações pelo www.maosdadas.org/mmo). A ação prevê ainda uma Vacinação contra maus tratos. “Queremos levar esta campanha para o aeroporto, nos vôos internacionais que chegam, vacinando a prefeita, a governadora, os deputados, os vereadores”, observou Leandro.

Júlia Arruda comemorou a continuidade da agenda de alerta à sociedade, mas lembrou que a Rede precisa se articular para cobrar dos gestores públicos o funcionamento correto dos serviços às vítimas. A vereadora frisou ainda que o poder público insiste em não colocar em práticas leis importantes, como uma de sua autoria, de número 6.106/10, e que prevê a confecção de material publicitário divulgando o Disque Denúncia 100 para ser afixado em ônibus, alternativos, taxis e bugues.

“Comemoramos que, mesmo de última hora, a Prefeitura reproduziu a confecção de adesivos em alusão ao 18 de maio, distribuindo com representantes dos transportes coletivos. Mas entendemos que isso não demonstra, como quis tentar mostrar o Município, o cumprimento da nossa Lei”, ressaltou a vereadora.

Júlia alerta que infelizmente logo esses adesivos serão retirados dos veículos. “Entendemos que a Prefeitura precisa é regulamentar a Lei. E que estabeleça com suas agências de publicidade como será a campanha, quantos veículos receberão os adesivos, se os ônibus e alternativos receberão o material em tamanho visível, ou seja estilo busdoor, e precisamos que fique claro quanto pretenderão gastar”.

A coordenadora pedagógica da Casa Renascer, Sayonara Medeiros Dias, entregou ainda à vereadora um documento propositivo, elaborado pela entidade. A audiência contou ainda com depoimentos contundentes dos servidores e de jovens atendidos por projetos sociais que provocam mudanças nas vidas de vítimas do abuso e exploração sexual.

AGENDA
Está marcada para o dia 16 de junho a próxima reunião da Frente, com o tema: “Políticas Públicas sobre Drogas no Município de Natal: Avanços e Desafios”. A ideia é provocar os diversos atores envolvidos na prevenção, tratamento e recuperação de usuários de drogas na capital potiguar, visto o crescente número de dependentes químicos.

A vereadora adianta que um dos pontos a discutirem é a postura do Município com a inserção de novas drogas, como é o caso do oxi, que já chegou ao estado. A reunião vai tratar ainda da efetivação do Conselho Municipal Anti-drogas (Comad).

Categorias

Arquivo