Vereadora Júlia Arruda

Blog

Notícias

Júlia homenageia pioneira da PM pelo trabalho no Proerd

A noite desta terça-feira (22) será de mais homenagem a mulheres de destaque de Natal, em alusão ao Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 8 de março passado. A Câmara Municipal reverenciará cidadãs que orgulham os potiguares e a vereadora Júlia Arruda (PSB), criteriosa, concederá a honraria a uma mulher pioneira, exemplo de mãe e policial, e mais que isso: uma sócio-educadora em tempo integral – seja em casa, junto às duas filhas, ou nas centenas de escolas públicas e privadas do RN que possuem o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd). A homenagem é para a tenente-coronel da PM, Margarida Brandão Fernandes de Araújo, pelo trabalho nacionalmente reconhecido.

Além de se manter na coordenação no RN do programa referência para o Brasil desde a sua implantação em 2002, a policial está a frente também do Proerd para as regiões norte e nordeste. Uma mostra de competência que a fez subir de patente no dia 1 de janeiro deste ano. Graças a seu esforço incansável e de cidadãos também batalhadores, o Proerd, que iniciou com apenas três policiais, em Natal e Parnamirim, hoje envolve 108 PMs, através da criação da primeira Companhia Independente de Prevenção ao Uso de Drogas (Cipred) do Brasil. Implementação esta que possibilitou o programa a chegar a 33 dos 167 municipios do RN, já tendo atendido nesses quase 10 anos de existência cerca de 250 mil pessoas.

O trabalho da Companhia envolve ainda a Ronda Escolar, que atinge comunidades vizinhas às instituições de ensino, com um efetivo de mais 100 policiais. Uma reivindicação sempre atendida pelas autoridades do Estado, que veem no trabalho sério e de resultados, razões para expandi-lo. Tanto que as conquistas desta mulher de destaque são comemoradas com a elaboração de mais metas. A tenente-coronel tem outro sonho agora: transformar a Cipred em Batalhão, medida que significaria o aumento de atendimento do Proerd, chegando a 50% dos municípios do RN.

A fala mansa, mas apoiada em ações concretas, fazem da policial uma agente persuasiva em prol dos avanços do programa. Permite a Margarida vislumbrar mais vitórias para os jovens atendidos pelo Proerd. Também faz parte de sua luta agora junto à Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) que todos os atendidos pelo Proerd sejam protagonistas na Copa do Mundo, que será realizada também em Natal, em 2014. A ideia é trazer a experiência sucesso do Pan-Americano do Rio de Janeiro, quando 10 profissionais do RN, foram à capital carioca capacitar alunos para trabalharem no evento esportivo.

Evangélica, Margarida Brandão Fernandes de Araújo faz de provérbios 22,6, um lema de vida. Desta maneira, os jovens e familiares que passam pelo Proerd aprendem desde cedo: “ensina a criança o caminho em que deve andar, e, quando for velho, não se desviará dele”. Teoria que transformada em prática reflete em números positivos na redução de criminalidade e violência nos entornos da escola, na abertura do diálogo sobre bulying, controle da problemática das drogas, além da consicientização dos jovens com relação a direitos e obrigações.

Nascida em Natal em 1971, é filha do jornalista João Bosco Fernandes, que faleceu quando ela tinha 5 anos, e da professora Wilma Brandão. É casada com o coordenador do Cipred, Arthur Emílio Monteiro de Araújo, com quem é casada há 16 anos. Tem duas filhas que adoram participar dos eventos da polícia, Luisa de 13 anos, e Larissa, de 10.
 

Categorias

Arquivo