Vereadora Júlia Arruda

Blog

Notícias

Júlia prestigia sessão em homenagem às mulheres na AL

A vereadora Júlia Arruda (PSB) representou a presidência da Câmara Municipal de Natal em sessão solene realizada na Assembleia Legislativa na manhã desta terça-feira (15). A parlamentar prestigiou a iniciativa da bancada feminina formada pelas deputadas: Márcia Maia (PSB), Larissa Rosado (PSB) e Gesane Marinho (PMN), que reafirmou a importância das mulheres na sociedade, as conquistas e os desafios da igualdade de gênero.


Foram homenageadas potiguares que se destacaram na luta por uma sociedade mais justa, como Josefa Cunha, líder da maior cooperativa de catadores de Mossoró. Sua história de superação emocionou os presentes. A Associação idealizada por ela é responsável pelo sustento de 40 famílias, e tem parceria com mais de 35 empresas. Emocionada, a ex-catadora pediu o fim dos lixões nas cidades e lembrou da importância da preservação ambiental. “Foi uma luta muito difícil, e hoje estou muito feliz por que recebo esse reconhecimento”.
 

Outra homenageada foi a ex-telefonista Maria de Fátima da Silva, que morava em Campo Redondo e, em 1981, ano da grande enchente, soube do rompimento da uma barragem, e começou a avisar as autoridades de Santa Cruz. O objetivo era para que a população saísse das casas nos pontos mais baixos da cidade, para evitar uma tragédia ainda maior. Maria ainda lutou contra uma triste coincidência, era 1° de Abril - muitos pensaram que era um trote. Mas as autoridades da época garantem que o trabalho de Maria de Fátima salvou muitas vidas, porque três horas após o alerta dado as águas da barragem causaram a destruição de mais de mil casas, tendo registrado apenas um óbito.
 

Na última homenagem do dia, a deputada Márcia Maia fez revelações sobre a trajetória da mulher que hoje preside o Poder Judiciário do Estado, a desembargadora Judite de Miranda Montes Nunes. “Homenagear Judite é uma honra para esta Casa, pela determinação e pela capacidade”. A parlamentar surpreendeu a desembargadora com histórias familiares, e fez a Presidente do Tribunal de Justiça chorar. No discurso de agradecimento, a desembargadora Judite Nunes convocou as mulheres a conquistar ainda mais espaço na sociedade: “a verdadeira vitória só pertence aos audazes”.

Categorias

Arquivo